Retrato de S. Jerónimo no seu Estúdio

 

Na sua loja de antiguidades, um antiquário parece alhear-se do mundo que o rodeia, restaurando peças e escrevendo histórias. Porém, que fará quando a injustiça entrar no seu estúdio e ameaçar destruir o seu quotidiano e aqueles que ama? Confrontado com o medo e com a sua memória, um homem perdido descobre-se a si próprio.

 

“A história mais fascinante e melhor contada.”

Carlos Quiroga, revista “Biblos”, Espanha – 2006

  • LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter