Anno Domini 1348

 

Sintra, ano de 1348. A peste negra assola a região e o país. O tabelião João Lourenço apercebe-se que apanhou a terrível doença e compreende que lhe resta uma semana de vida. Numa narrativa cativante, João Lourenço passa em revista a sua vida, num relembrar pleno de emoções e que é também a memória de Portugal medieval.
 
“Uma pequena obra prima de uma austeridade sumptuosa.”
Daniel Bermond, revista “Lire”, França - 2003

 

 

Traduzido em francês (ed. Phébus)
e em italiano (ed. Spolia)
  • LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter